Guia de sobrevivência ao fim de ano

Ele chegou. O fim de ano. Com ele vem as piadinhas dos tios (é pave ou pra comer?), as perguntas das tias (tá namorando? por que não?), e as conversas sem graça da mesa (no tempo da ditadura não tinha esses baderneiros! A ditadura só perseguiu terrorista!).

Continue reading Guia de sobrevivência ao fim de ano

Trazemos a pessoa amada de volta!

Anuncio que se ve em quase toda cidade brasileira. A promessa da pessoa amada de volta, mas nunca acreditei muito em macumba mesmo. E não pretendo escrever também sobre reconquistar a pessoa “amada”.

Voce nunca entra duas vezes no mesmo rio, nem vê duas vezes a mesma pessoa!
Voce nunca entra duas vezes no mesmo rio, nem vê duas vezes a mesma pessoa!

Continue reading Trazemos a pessoa amada de volta!